Eu posso fazer isso

24 junho 2013



É engraçado como é fácil pra eu ouvir as outras pessoas reclamando dos seus problemas, algumas vezes já desacreditadas de uma solução e ser otimista, acreditar que o melhor vai acontecer - achar uma solução. É engraçado porque quando se trata dos meus amigos, das pessoas com quem eu me importo é muito fácil ser otimista, e ajuda-las a acreditar no melhor, a resolver o problema, mas quando é comigo a história muda completamente. 

Quando é o meu problema eu logo me desespero, confesso. Fico pessimista sim, fico confusa, perco a noção do que devo fazer e pronto. A verdade é que eu costumo dificultar as coisas pra mim mais do que o necessário, costumo me focar no fato de que as coisas não saíram como eu queria quando algo dá errado ao invés de prestar mais atenção à verdade de que pelo menos eu tentei. Esqueço que tenho meus amigos e minha família que sempre me apoiam, tenho sonhos para serem realizados e uma vida inteira cheia de oportunidades pra ser feliz.

É que às vezes quando coisas ruins acontecem eu perco um pouco o foco e fico me perguntando qual o sentido disso tudo, da vida e de todas as surpresas que acontecem ao longo do caminho, e muitas vezes a única coisa que penso é que “eu gostaria de me afastar para poder respirar, o mundo está tentando me engolir, clarear as nuvens na minha cabeça”, porque eu realmente consigo ficar muito confusa quando as coisas se complicam, na verdade eu já sou bem confusa – mas isso é outra história. 

Mas eu estou tentando melhorar, acreditar mais na minha capacidade de resolver os problemas e alcançar meus objetivos, estou tentando seriamente focar meus esforços pra uma mesma coisa. 

"Todos os meus conflitos serão resolvidos, se eu descansar em Deus" 
(Conflitos - Banda Giom)

Nenhum comentário

Postar um comentário

 
Almost the Moon, 2013 - 2017 ©. Desenvolvido por Michelly Melo.